terça-feira, 31 de março de 2009

Vale5


Minha maior preocupação é este desenho de vale5 com linha de pescoço a 25,70.

segunda-feira, 30 de março de 2009

Djia


Bom suporte do Dow Jones a 7.440, que se perdido abre espaço para um teste no próximo suporte a 7.320.



Esta realização também tem seu volume diminuindo a cada dia!

Vale5


Vale ainda em forte congestão, com ótimos suportes a 26,10 e por último 25,20.

Petr4


Apesar da configuração, o suporte mais importante de Petrobrás no momento se situa em 27,50. Reparem no fraco volume desta realização...

IBOVESPA FECHA EM BAIXA DE 2,99%, AOS 40.653,13 PONTOS

São Paulo, 30 - A rejeição do governo dos EUA aos programas de reestruturação da GM e da Chrysler e as declarações do secretário do Tesouro, Timothy Geithner, de que os bancos podem ainda precisar de muita ajuda trouxeram o mau humor de volta aos mercados acionários. As bolsas despencaram ao redor do mundo e levaram a Bovespa para o mesmo caminho, puxada pelas vendas de Vale, siderúrgicas, Petrobras e bancos.

O Ibovespa terminou a segunda-feira em baixa de 2,99%, aos 40.653,13 pontos, devolvendo boa parte dos 4,57% de ganhos acumulados na semana passada. No mês, a alta acumulada agora atinge 6,47%, e, no ano, 8,26%. O giro financeiro totalizou R$ 3,624 bilhões.

O tombo doméstico foi influenciado pelo comportamento de Wall Street, onde o Dow Jones recuou 3,27%, aos 7.522,02 pontos , o S&P caiu 3,48%, aos 787,53 pontos, e o Nasdaq teve perdas de 2,81%, aos 1.501,80 pontos. As ações da General Motors lideraram as perdas do Dow, ao recuarem 25,41%, depois que seu executivo-chefe, Rick Wagoner, renunciou ao cargo pressionado pelo governo, que colocou essa como uma das condições para conceder ajuda à montadora. A Casa Branca, no entanto, recusou o plano de reestruturação da GM, e deu mais 60 dias de prazo para que a empresa lhe convença da necessidade de injetar mais recursos nela.

Obama também sugeriu que uma concordata "cirúrgica" pode ser a única saída para as duas companhias. A outra é a Chrysler, para quem o governo dos EUA deu prazo de 30 dias para apresentar uma solução, no caso, uma aliança com a Fiat. Esse tempo nem deve ser usado, já que a empresa já teria fechado esse acordo, segundo matéria veiculada mais tarde pelo Wall Street Journal. A aliança global teria sido acertada com a ajuda do Departamento do Tesouro dos EUA.

Além das montadoras, também os bancos foram destaques negativos hoje, depois que Geithner, no final de semana, ter dito que alguns bancos precisarão receber muita assistência. À tal declaração, somou-se o pessimismo que se seguiu ao comunicado sobre o encontro do G-20 obtido pelo Financial Times. O documento sinaliza que a reunião não deve trazer novidades sobre mais medidas de estímulo econômico para lidar com a crise.

Na Bovespa, as blue chips foram as principais afetadas hoje, com a saída dos investidores estrangeiros e também pelo tombo das commodities. Na Nymex, o contrato do petróleo para maio despencou 7,58%, para US$ 48,41. Na LME, em Londres, os contratos futuros de metais básicos fecharam com queda, pressionados pelo forte recuo dos índices de ações e pela valorização do dólar ante o euro.

Petrobras ON recuou 3,43%, e PN, 2,77%. Vale ON recuou 5,64%, e PNA, 4,07%. Em relatório de hoje, o HSBC reduziu o preço-alvo para as PNA de Vale de R$ 35,50 para R$ 34,50 e cortou a recomendação de "overweight" para "neutral", diante da revisão das estimativas para as vendas de minério de ferro em 2009.

CSN ON teve a menor queda do setor, com -2,84%. A empresa anunciou crescimento de 674,7% no lucro do quarto trimestre de 2008, para R$ 3,936 bilhões. Usiminas PNA caiu 6,01%. Gerdau PN, 6,28%, e Metalúrgica Gerdau PN, 6,30%. O governo confirmou hoje a prorrogação da redução do IPI para automóveis por mais três meses. Usiminas e CSN são as principais fornecedoras de aço galvanizado para a indústria automotiva.
(Claudia Violante)

quinta-feira, 26 de março de 2009

Bvmf3


A figura de cunha está presente em diversos papeis, e a bvmf3 é um deles.

Vale5


Triângulo ascendente em Vale.

Ggbr4


Gráfico de ggbr4 no médio prazo.

Ibov


Todo cuidado é pouco (mesmo rompendo a forte faixa de 43.400)!

quarta-feira, 25 de março de 2009

Ggbr4


Ótimo suporte no papel a 11,55. Montou uma resistência curta a aproximadamente 13,10. Rompendo essa faixa, grandes possibilidades de buscar 14,70 (último fundo), fechando o gap aberto há algumas semanas.

Elet6


Vale a pena acompanhar o canal de baixa no papel! Hoje ameaçou romper, e fechou para dentro da figura. Bom suporte a 23,45 com resistência a 24,70.

Bvmf3


Para quem opera no curto prazo, atençao para o ativo! Está voltando a uma faixa de negociação muito forte e deixou uma figura negativa hoje. Se romper 7,50 tem objetivo a 8,45, porém com certeza não será uma caminhada tranquila até este ponto, pois os dois números são fortes no atual cenário.

terça-feira, 24 de março de 2009

Magg3


Estou com este ativo inserido na minha tela, já com o dedo no gatilho pra começar a "colocar pra dentro". Realmente, nada ainda que indique que o papel possa reagir, está em franca tendência de queda, contra isso, somente os seguintes argumentos: atingiu a mínima do ápice da crise, indicadores extremamente sobrevendidos e aumento do volume nestes últimos pregões, o que pode significar uma "lavada" no mercado, podendo subir mais levemente futuramente...
Não costumo comprar ativos em forte tendência de queda assim, porém acredito muito que magg3 irá repicar fortemente. Se continuar caindo, a probabilidade do papel vir testar esta faixa novamente é alta, acionando meu stop sem muitos prejuízos, ou ainda, pequeno lucro.
Vou esperar algum sinal de reação, e acompanhar a virada pelo intraday de 15 e 30 minutos.

Ibov


No período diário temos uma forte resistência a 42.300, uma faixa que para ser rompida provavelmente exigirá do índice uma acumulação por mais alguns pregões ainda.



No gráfico intraday, podemos entender que um teste na última resistência, agora suporte, em 40.900 é meramente visto como pullback dos recentes ganhos.

segunda-feira, 23 de março de 2009

Petr4


Canal de alta em Petr4

Ibov


Enquanto acima de 39.300, índice bovespa ruma ao objetivo de 41.670.

Vale5


O ativo encontra-se em grande congestão, nos gráficos diário e intraday. O número de força atual está situado em 27,60. Para que o papel nos indique força, deve trabalhar acima desta região pelo menos por um ou dois pregões. Rompendo, tem liberdade para alcançar a faixa de 30,00.

sexta-feira, 20 de março de 2009

Petr4


Petrobrás rompeu uma forte resistência a 28,00 e ruma à próxima faixa de resistência entre 32,30 e 33,00. Apesar do potencial de alta, o ambiente requer stops armados, e abaixo de 27,30 o papel dá um sinal de fraqueza...

Ibov


Ótimo suporte agora a 39.300. Ibovespa vai ficar entre as faixas de 39.400 e 41.100 com viés de alta.

quinta-feira, 19 de março de 2009

Djia




Relembrar é viver! Alguns gráficos que postei antes do repique...

Ibov

***OBJETIVO ATINGIDO***

Quarta-feira, 11 de Março de 2009

Ibov


Ibovespa rompeu uma linha de tendência que vinha pressionando há algumas semanas, realmente muito importante, e deixou um belo suporte inicial a 38.270, que deve se sustentar para que o mesmo possa alcançar o objetivo a 40.250. Na realidade, o objetivo do OCO invertido é aproximadamente em 41.200, porém, em um mercado de baixa, prefiro me ater à primeira forte resistência que se situa a 40.250.

terça-feira, 17 de março de 2009

Bbdc4


Bradesco reverte tendência no médio acima de 22,85. Este preço pode coincidir (mais à frente) com LTB mais relevante do ativo no momento.

Vale5


Realmente, podemos constatar de vez que o mercado está tentando confundir as cabeças, mostrando resistência em certos papéis, e ameaçando alta em outros (como Vale, Ggbr, Bbdc, dentre outros). Vale ainda abaixo de mm21 e somente sinaliza uma correção das últimas quedas acima de 28,00.

Petr4


Muita atenção com Petrobrás! A faixa de 28,00 mostra ser de grande importância, e ainda, podemos verificar que o último movimento que trouxe o papel a este patamar perdeu força, constatado com o IFR. Apesar do alerta, enquanto acima de 25,70, se mantém em alta no médio prazo e fechando acima de 28,00 pode continuar movimento de alta. Se romper este último número, sugiro bastante cautela, já que o mercado ainda "não está para peixe" e podem querer pregar uma armadilha. Stops armados e estratégia bem montada é imprecindível cada nova alta das bolsas!

Djia


Dow Jones conseguiu tranquilamente segurar a importante faixa de 7.100 e logo voltou ao topo anterior. Podemos verificar que a faixa de 7.400 é uma região de bastante relevância, com baixa probabilidade de ser rompida logo. O movimento de hoje chamou atenção pelo volume mais fraco, deixando o OBV divergente, porém como costumamos dizer, "é o preço que paga", ou seja, é ele quem realmente importa no final das contas. Porém, é salutar ressaltas estas características que podem ser indícios de uma perda de força do movimento, como podemos ver no IFR, que já demonstra uma divergência de baixa importante e mais visível. O momento parece novamente de volatilidade, com leve correções do movimento anterior no curto prazo, mas com viés de alta ainda no médio.

Petr4

***OBJETIVO ATINGIDO***


Quarta-feira, 11 de Março de 2009

Petr4


Rumo a 28,05 enquanto acima desta LTB.

segunda-feira, 16 de março de 2009

Parceria

Pessoal, estou trabalhando de agente em uma corretora bastante conhecida no Brasil com uma corretagem bastante atraente (corretagem fixa de 15,00 ou tabela bovespa). Quem quiser maiores informações e se interessar pelo meu trabalho, me envie por favor um email para podermos conversar.

Um abraço!

Djia


Dow Jones realizando parte dos ganhos, mas ainda em tendência de alta no curto prazo, e sem ainda ter cumprido objetivo do OCO invertido (aproximadamente a 7.700). Bom suporte a 7.150.

Ibov


Ibovespa agora chegando perto de seu suporte a 38.400, onde trabalha consolidando rompimento da figura de OCO invertido. Apesar disto, temos Dow Jones com fortes altas consecutivas, portanto é possível que façamos um suporte abaixo deste mais à frente com uma correção das bolsas americanas (que já demonstraram "cansaço" na alta de hoje).

quarta-feira, 11 de março de 2009

Dji


Realização normal dos índices, que subiram ontem mais de 5%. Reparem que Dow Jones também monta um OCO invertido com linha de pescoço a aproximadamente 7.000. Bela figura!

Petr4


Rumo a 28,05 enquanto acima desta LTB.

Ibov


Ibovespa rompeu uma linha de tendência que vinha pressionando há algumas semanas, realmente muito importante, e deixou um belo suporte inicial a 38.270, que deve se sustentar para que o mesmo possa alcançar o objetivo a 40.250. Na realidade, o objetivo do OCO invertido é aproximadamente em 41.200, porém, em um mercado de baixa, prefiro me ater à primeira forte resistência que se situa a 40.250.

terça-feira, 10 de março de 2009

Ibov


Figura muito interessante sendo formada no índice bovespa. O rompimento da LTA demonstra força e provavelmente levará os preços até a faixa de 38.600, onde está situada a linha de pescoço.

segunda-feira, 9 de março de 2009

Ibov


Índice ainda por cima de seus principais suportes: 36.750 e 36.950.
Logo pela manhã fez uma nova mínima e voltou para cima rompendo a primeira resistência no gráfico de 15 minutos a 36.950. Importante faixa de suporte agora!

Dow Jones


Continunando com o gráfico do último post, fiz uma brincadeira de como acredito que o Dow Jones se movimente nos próximos meses...

sexta-feira, 6 de março de 2009

Dow Jones


PS.: Ibovespa montou o OCO invertido, mas só confirma no rompimento da linha de pescoço em 38.600.

quinta-feira, 5 de março de 2009

Ibov


No gráfico de 5 minutos, formação de uma cunha altista. Reparem o volume da alta logo pela manhã e esta correção mais a tarde!

quarta-feira, 4 de março de 2009

Ibov


Ibovespa parece estar montando grande figura de OCO invertido. Vai encontrar forte resistência em 39.000. Agora é aguardar se realmente vai fazer o ombro esquerdo e caso positivo, esperar o rompimento da linha de pescoço. No período diário, montou figura de reversão, o que pode levar a um repique mais vigoroso.

Entenda a crise

Para distrair um pouco...

video

terça-feira, 3 de março de 2009

Ibov



Ibovespa montou um spinnig top logo no suporte de 36.400. Conseguimos visualizar o suporte no período diário, e ainda, no pregão de ontem e hoje, onde a faixa foi fortemente protegida. Os spinnig tops são candles com pavios longos e corpos pequenos, sugerindo certa indecisão ao pregão. Esta configuração em cima de suportes pode gerar bons repiques, porém, ainda é cedo para afirmar, dependendo do fechamento de amanhã...

Bbdc4



Bradesco com bom volume, mostrando reação e deixando um martelo, porém ainda não confirmou a figura de reversão. No intraday, podemos verificar que a faixa de 20,20 é um importante valor que se rompido (e o ativo conseguindo se manter acima disto) confirma a formação de martelo.

Nova Ferramenta

Fizemos uma parceria com o site GuiaInvest, onde vocês podem acessar informações fundamentalistas dos ativos negociados em bolsa. Ótima ferramenta para se ter uma noção de índices de lucros, dividendos, patrimônio, etc. Ao lado (raio-x) você digita o código do papel e todas informações são disponibilizadas a você!

segunda-feira, 2 de março de 2009